Quem sai aos seus...

Descobri que se calhar, só se calhar, sou mais igual à minha avó do que eu pensava!!!

Quando era miúda, irritava-me andar com a minha avó porque ela metia conversa com toda a gente! ...toda a gente mesmo!

E vinha sempre com as mesmas conversas, 
"Ai no meu tempo! No meu tempo não havia destas modernices!"
"Criei 5 filhos sozinha, sabe? O meu marido foi prá África, era o meu Tó bebé!"
"No meu tempo, governava-me com 2 contos pró mês inteiro!"
"Esta malta agora só come "bioburtes", eu comia era uma côdea de pão dura, sabe?"
"Fui servir para Lisboa tinha eu 9 anos. Levei muita pancada, sabe?"
"Eu não sei ler, sabe? Em vez de ir à escola a minha mãe pôs-me a guardar cabras!"

Era na praça ou no autocarro, à espera do médico ou na mercearia!
E isso irritava-me!
Sabia lá eu!
"Ó avó vamos embora."
As pessoas queriam lá saber das histórias dela, pensava eu!
Mas se calhar queriam. E gostavam! Eu é que já as conhecia a todas...
...Tomara agora eu, ter ouvido mais histórias...
Foto: Google

Mas afinal agora eu sou igual!!!
Ainda hoje passei de fugida no supermercado e quando dei conta estava na fila da caixa a conversar com a senhora que estava à minha frente sobre se ela havia ou não de pintar o cabelo que já tinha muitos brancos e eu também! E onde tinha eu comprado o meu gorro que era lindo mas ela achava que já não tinha idade para usar, e eu e a filha dela,  dizíamos-lhe que tinha idade sim!
Quando dei conta, estávamos as três à conversa no parque de estacionamento, a queixar do frio e de estarmos mais gordas, etc, etc, etc!!!

Quando entrei no carro pensei:
Estou igual à minha avó Eugénia!
Sabia lá eu!

Comentários

Mensagens populares deste blogue

O dia em que nasci...novamente...

Fim-de-semana a dois...

O drama da depilação...