Mensagens

A mostrar mensagens de Março, 2009

Dias de imaginação...

"Em momentos de crise, só a imaginação é mais importante do que o conhecimento".

(Albert Einstein)

Dias de Mulheres Fenomenais...

Imagem
Tem sempre presente que a pele se enruga, o cabelo embranquece, os dias convertem-se em anos...
Mas o que é mais importante não muda;
A tua força e convicção não têm idade.
O teu espírito é como qualquer teia de aranha.

Atrás de cada linha de chegada, há uma de partida.
Atrás de cada conquista, vem um novo desafio.

Enquanto estiveres viva, sente-te viva.
Se sentes saudades do que fazias, volta a fazê-lo.
Não vivas de fotografias amarelecidas...
Continua, quando todos esperam que desistas.
Não deixes que enferruje o ferro que existe em ti.
Faz com que em vez de pena, te tenham respeito.
Quando não conseguires correr através dos anos,
Trota
Quando não consigas trotar, caminha.
Quando não consigas caminhar, usa uma bengala.
Mas nunca te detenhas!!!.



Madre Teresa de Calcutá

Dias passados...

Imagem
Quantas vezes passamos dias e dias com uma pessoa, e sabemos que algo estranho se passa!Mas pode ser só impressão nossa...
E os dias e meses vão passando, e essa sensação mantém-se! Mas pode não ser nada...
Pode ser cansaço, pode ter sido uma noitada, e daí a pessoa estar com má cara.
Se não vai trabalhar, é porque esteve na "borga" ou porque é preguiçosa e irresponsável!
Ninguém se pergunta, será que está bem? Terá tido um acidente no caminho e não tem bateria no telemóvel para avisar? Ou estará na ambulância sem condições para falar?
Não. Não é essa a primeira coisa que pensamos!
E quando sabemos a verdade, e começamos a juntar as peças, e a ver que tudo faz sentido!
Aquela sensação, tinha razão de ser...
E fica-se chocado, não necessariamente pela negativa, mas pela surpresa da revelação.
Como é que não percebi os sinais de alerta? Porque não perguntei com mais insistência o que se passava?
Provavelmente andava demasiado distraída comigo, para ver que uma das pessoas mais significativ…

Dias de reflexão...

Imagem
É tão fácil criticar!
Apontar o dedo, identificar os defeitos dos outros!,
Julgá-los pelas aparências, ou pelos nossos juízos de valor!

Se olhássemos para nós mesmos, e conseguíssemos ver os nossos defeitos, veríamos os mesmos que apontamos aos outros e ainda mais. Mas isso é muito difícil, exige uma auto-análise muito profunda, para a qual a maioria de nós não se encontra preparada!

Seria tão bom, se tentássemos corrigir os nossos defeitos e erros, em vez de os colocarmos nos outros...
Seria um mundo melhor, o convívio mais fácil, o diálogo mais fluido e o amor mais verdadeiro!